Estilo X Tendências

Semana de fashion revolution(vai ter em Salvador uhu!),um evento muito bacana pra criar uma nova conscientização no mundo da moda depois da tragédia em Bangladesh com o desabamento do prédio Rana Plaza no dia 24 de abril em 2013.Evento super importante principalmente no momento em que a gente vive.Com acessos a informações,com a crise financeira e no varejo acontecendo porque estamos preferindo comprar online,buscando saber como é feita e etc.

O consumo consciente está cada vez mais presente na nossa vida,isso não quer dizer que a gente não consuma,continuamos consumindo afinal vivemos em um mundo capitalista porém a compra é feita com consciência,ela é pensada,ela tem um motivo real pra ser feita.E não por compulsão pra virar depois um amontoado de lixo que não tem onde ser descartado.E esse texto da Gabriela Ganem é bem legal e me inspirou a escrever esse daqui.

Com um número cada vez maior de informações a cada instante aparece uma tendência.E cair na armadilha de querer comprar tudo e não parecer com um look datado faz a mão coçar pra parecer descolada no instagram. Por isso se auto conhecer é um passo importantíssimo,é partir disso podemos ver a diferença entre o que eu acho bonito e o que realmente combina comigo,com o meu dia a dia,com o meu trabalho.

Isso não quer dizer que você tem seguir regras,ficar na caixinha com ideias pré concebidas.Conhecer a sua personalidade,o seu corpo,do que você gosta nele e o quer disfarçar ou não nele,das cores que te agrada em que fazer uma análise cromática pode te ajudar nisso.Uma ótima forma te ajudar a filtrar o que é interessante comprar  e o que é bacana admirar.

A meia calça arrastão é bacana porém é uma peça que não dar pra se usar em qualquer lugar,quem tem um estilo clássico dificilmente vai conseguir usar por mais referências que tenha no pinterest. Então pra que gastar dinheiro com o acessório?

Tem tendências que vamos amadurecendo a ideia de incorporar no guarda roupa.Comigo é o caso da pantacourt que achava esquisita,depois do frenesi vi que é uma peça coringa que vai do trabalho a festa do fim de semana.Basta trocar os elementos.Agora estou pensando adquirir uma garimpada em brechó.Porque dessa forma compro mais barato,vejo se realmente amo a peça e faço a economia girar sem gerar mais lixo.

Consumir com responsabilidade é um exercício diário,é uma educação que não começa do dia pro outro.Então pare,pense,se pergunte se precisa do objeto,se combina com o seu estilo e com as sua outras roupas.Comprar roupas de segunda mão é um opção acessível,pequenas empresas você fica sabendo da cadeia de produção,se comprar nos grandes varejos essas perguntas vão te ajudar a chegar mais rápido no seu objetivo.

Espero que te ajude essas dicas.

beijos 🙂

Rosa Quartz: A Cor Que Continua a Inspirar.

O rosa quartz foi a eleita junto com o Azul Serenity ano passado como as cores do ano.Me apaixonei pelo azul  que é um tom frio ,aliás desde que descobri que sou tom frio só quero abusar desses tons.E com o rosa quartz não é diferente,um tom de rosa mais frio quase indo nude/bege.Não são vibrantes logo são excelentes alternativas para variar ou complementar os neutros de sempre.

E seja esse o segredo do sucesso da cor em pleno 2017 que tem o greenery como a cor eleita(Vamos combinar que com tanto tons de verdes tinha que ser justo esse verde nada bonito).E percebemos que ela fica linda com o tom vibrante como o vermelho e roxo.

 

Olha quanta produção maravilhosa que vão desde de produções invernais até quando as temperaturas vão lá pra cima.Ótimo pra quem trabalha em locais que exigem um dress code mais formal e quer dar uma variada no preto e branco.

Diz ai se não dar uma paz interior?hahaha. Acho lindo um look todo monocromatico,fica chic.Fica perfeito com jeans  ou somente um vestidinho acolá dando um charme.Eu tô amando real oficial e já me vejo usando tudo isso hahaha.

E ai se renderam ao rosa quartz ou nem pensar?

A Bermuda Vem Ai!

Não há tendência lançada nos dia de hoje que não tenha um dedinho das Kardashians. Elas são verdadeiras digitais influencers que vão desde de produtos de cabelos a bermudas!Sim,elas conquistaram a Kim K que recentemente fez várias aparições com a peça e quem logo vem fazendo coro é Gigi Hadid em um look usado essa semana.Ai fica difícil o pisca alerta não apitar e perceber que vem coisa boa por ai.

 

 

As bermudas podem ser uma ótima  aquisição pra quem mora em cidades quentes (alô Salvador!),pra usar muuito no verão mas não quer usar nada curto.Principalmente pro ambiente do trabalho que pede algo mais sério e prefere uma peça que dê movimentação sem preocupação porém não te faça passar calor.

As jeans são mais despojadas principalmente as destroyeds  ou com rasgos que dar aquela estilizada na produção.Mas o seu ambiente é mais formal as de alfaiataria dão aquele ar clássico necessário sem esforço.Gosto da peça,tinha uma branca que usei muitooo. Tem versatilidade,confortável,fresquinha e todo mundo pode usar sem neura de “tá curto demais pra ocasião”.

E ai vai apostar nas bermudas?

Beijos 🙂

Minimalismo X Maximalismo

Depois de um cansaço do “tem que ter” e mudar o guarda roupa a cada estação priorizamos só aquilo que é necessário,o armário capsula foi a salvação da vida de muita gente e principalmente meu feed bombou de preto e branco,o tal do normcore estava em todo lugar.Algo simples,básico e quase todo mundo tem se tornou uma tendência até mesmo pra quem tem um estilo mais alegre.

E ai o minimalismo também se denominou somente por essas duas cores,tudo o que é minimal tem ter essa dupla.Vamos desmitificar isso? Porque vai muito além das cores,são mais as formas em si.

Maximal

Geralmente o maximalismo é marcado pela formas amplas,soltas no corpo.Então você pode usar um vestido preto em modelagem balonê por exemplo e abusar dos acessórios.Outra característica é utilizar brincos,pulseiras,anéis,cintos ,óculos e sapatos extravagantes.Maxi estampas se misturando fazem o jeito de se vestir mais divertido.

Minimal

O minimalismo é marcado por ter uma modelagem mais seca,”justa” ao corpo  como por exemplo um tubinho que pode ter um cor mais viva como laranja.Que será acessorizado  com um brinco ,um colar,pulseira marcante ou Um tudo bem pequeno e discreto,sapatos básicos e pronto.Estampas miúdas também pode aparecer na produção tudo muito simples deixando um ponto de atenção.

Então sim se você curte um visual mais clean não precisar criar um uniforme com preto e branco.Gosta de neutros?A cartela também é extensa com verdes oliva,beges,nudes e marrons,cinzas,rosas e azuis pastéis.Pra você mais é mais?Pode se jogar nos maxis acessórios ou modelagens amplas que estão em alta pra fazer aquela produção caprichada.O importante é sair da caixinha e experimentar.

Beijos 🙂

 

Acessórios:Botas Brancas

Depois da onda de pretos e brancos reinarem na temporadas passada com o seu minimalismo(só lembrando que o minimalismo tem cores,vai além da dupla) é claro que que iriam se estender aos acessórios.E vou logo confessando que não curto acessórios branco nem mesmo relógio branco,óculos,bolsas,cintos e sapatos brancos menos ainda.Porém isso é uma visão pessoal e o blog vai um pouco além do que eu gosto ou deixo de gostar .Sim,ele existe pra te inspirar a sair da zona do conforto,a ousar,a desconstruir esterótipos e de dar a liberdade de se vestir de si mesma de acordo com a sua rotina.

E já que as botas brancas estão bombando nas ruas afora e você tá flertando com esse acessório mas não sabe se vale  a pena investir seu rico e suado dinheirinho tem um mood board que pode te ajudar.

O branco assim como o preto casa com a maioria da cores,eu acredito que o problema da bota seja mais pelo o estigma que carrega do sapato de paquita da Xuxa do que limitação de combinações.Mas Calma miga,tudo na vida tem solução e é claro que existe peças que pode ajudar na missão de trazer seriedade pro acessório como a alfaiataria.Ele dar essa equilibrada nas mensagens e traz pro mundo corporativo com uma calça em corte reto e blazer por exemplo essa modernidade clássica.

Se o dress code do trabalho é mais flexível o jeans é um bom acompanhante.Dobrar as barras da calça deixando a bota se mostrando pro mundo fica um charme.Saias,vestido mais soltos e shorts deixam a produção mais jovial e dar aquela atualizada na bota branca.Eu prefiro os modelos de cano curto como as ankle boots que vão até o tornozelo como disse tira a ideia do paquita style mas se você tá nem ai  pra opinião alheia e gosta mesmo de uma boa over the knee se jogue na produção e vá ser feliz.

E ai vão apostar nas botas brancas nesse outono/inverno ?

Beijos 🙂

Se Inspirando Nos Anos 80

Se na temporada passada os anos 90 nos mostrou que o minimalismo e o esportivo são cools(seguirei nos 90 e 70 por motivos de amo as estéticas dessas décadas).Talvez um babadinho aqui ou acolá os anos 80 me influencie nessa temporada até porque a estética maximalista que vem dominando.E sabe que eu acho isso ótimo,vi muitas pessoas usando preto e branco mesmo nem sendo o seu real estilo,e vamos combinar que os neutros vão bem além da dupla.Então ela vem pra nos mostrar que um color blocking é sim bem legal também.

Zuhair Murad Alta Costura 2018-Foto:Vogue Brasil

Sait Laurent Inverno 2018- Foto: Vogue Brasil

Temos que reconhecer que foi uma década bastante importante e criativa.Muitas das invenções de eletro portáteis surgiram nessa época,o pop reinou e nos deu ídolos com Madonna,Prince ,Michael Jackson e tantos outro,filmes musicais como flash dance e embalo de sábado a noite,as academias viraram febre e junto com elas vieram as roupas mais fluorescente pra cuidar da saúde juntamente com a polaina hahaha. E a estética over pra mostrar que a mulherada vinha com tudo e não estava prosa para o mercado de trabalho vide as ombreiras.

Mugler inverno 2018-Foto:Vogue Brasil

Almir Slama 2018-Foto:Vogue Brasil

E como a gente tá cada vez mais discutindo cada vez mais inclusão,gênero e feminismo então tá na hora de trazermos essas ideias livres de usar como quiser como usar lamê de dia por exemplo.E por falar neles são aposta fortes principalmente metalizados como prata e dourado,babados de todos os tamanhos,ombreiras também voltam,blocos de cores,laços,calças baggys e paetês.A beleza também traz esse perfume oitentista com batons metalizados,blushs mais marcados,sombras de tons como laranja e vermelhos ganhando espaços e até os cortes de cabelos também vem seguindo essa referência.

Mica Arganaraz:
Modelo sensação Mica Arganaraz

Prontas pra se inspirar nessa energia super criativa que foi os anos 80?Senão faça como eu permaneça na estética que de te agrada e pesque aquilo que acha interessante e pode funcionar na sua rotina.

Beijos 🙂